sexta-feira, dezembro 19, 2014

Busca no site

Últimas Notícias

SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE

Um leitor de nosso Blog mandou mensagem informando que a criação da Secretaria do Meio Ambiente de Dom Basílio, tem um único objetivo: Acomodar companheiros de campanha, que não tinha como contemplar com outro cargo e informa que não tem conhecimento de nenhuma ação plausível da pasta em benefício concreto para a Cidade.

Publicamos sua mensagem e vamos aguardar mais informações para ponderações.

JOSE MARIA CAIRES

 

 

 

O GRANDE PROBLEMA É OUTRO.

zemaria avisandoEssa história de Tribunal de Contas dos Municípios aprovar contas é uma situação que na maioria das vezes não condiz com a realidade dos gastos da Prefeitura. Análise do TCM é meramente documental e técnico, que na maioria das vezes o Tribunal não consegue enxergar os desvios do dinheiro nas cidades.

Um exemplo mais escandaloso é a despesa de combustíveis, que as Prefeituras gastam 1000 litros por mês e conseguem Notas Fiscais de dez mil litros de gasolina, os conselheiros avaliam os processos com base nas Notas Fiscais, que na imensa maioria são superfaturadas para pagar outras despesas e para alimentar a corrupção, a distância não permite mensurar.

Outro exemplo é o pagamento de servidores públicos através de empresas prestadoras de serviços ou com a a devolução do dinheiro da gasolina, para exatamente não deixar pista para avaliação das contas e fugir da Lei de Responsabilidade Fiscal, exatamente por essa manobra é que muitas contas conseguem aprovação prévia..

DAÍ a importância do Vereador, a ele que cabe a fiscalização “IN-LOCO” dos gastos do Executivo, fazendo inclusive a comparação do que foi gasto com o que efetivamente foi construído, mas infelizmente os Edis se baseiam muito no parecer técnico do TCM, o que na maioria das vezes não condiz com a realidade.

Fiquem atentos, o trabalho dos vereadores pode  mudar e fortalecer UM NOVO PROJETO para nosso Município.

JOSE MARIA CAIRES

 

 

DIVIDIDOS SÃO ELES. NADA DE UNIÃO.

zemaria-na-nobelAs publicações veiculadas na imprensa e rede social, anunciando união entre ZEZITO x ALFREDO, não prospera, as informações chegadas aos meios de comunicação são destorcidas e inverídicas.

A bancada oposicionista de Dom Basílio, formada pelos Vereadores Zezito Caires, Gelson Caires e Professor Luiz Eugênio, são autênticos opositores ao sistema atual de gestão e não coaduna com o estilo Alfredista de governar. O grupo decidiu não votar no candidato do Prefeito, por entender que a casa legislativa tem que ser independente e não pedir favores ao Executivo.

O que os vereadores oposicionistas Zezito Caires, Gelson e Luiz, fizeram e de forma magistral foi consolidar um racha na situação, deixando o Prefeito a merce da oposição para votar as matérias de quorum qualificado de dois terços.

Votaria em qualquer vereador que fosse candidato oposicionista, essa foi a estratégia acertada, precisamos que os leitores entendam:

A SITUAÇÃO DIVIDIDA ENTRE ALFREDO E JOÃO CARECA, foi declarada na eleição da mesa diretora, fragmenta a votação do grupo, favorece claramente a oposição hoje capitaneada pelos vereadores e demais lideranças.

Parabéns aos vereadores oposicionistas, valeu a estratégia, tornou a oposição mais aguerrida e competitiva, sem ventilar a possibilidade de união dos arquivais inimigos.

JOSE MARIA CAIRES

 

 

NOVAS LIDERANÇAS SERÃO NECESSÁRIAS.

zemaria-na-nobelA renovação na política é necessária, querer Lula Presidente em 2018, é no mínimo um retrocesso, acho que fez o papel dele. Costumo dizer que Dom Basílio é uma miniatura da política brasileira e é. Acho que Eu, João Chaves, Zezito, Teixeira, Alfredo e Luciano já demos nossas contribuições, uns mais e outros menos, todavia cada um colocou um tijolo na construção de nossa terra.

Ninguém tem a unanimidade e ainda bem que assim seja, pois toda unanimidade é burra. Mas, como sempre fiz e farei, por gratidão e reconhecimento, ZEZITO CAIRES foi em quem sempre me inspirei como homem público dedicado às demandas da população, a quem devo a escolha para administrar Dom Basílio de 1983 a 1988, com aprovação da população através do voto livre. Foi um aprendizado na minha vida, cujo crédito é desse amigo inseparável.

Zezito Caires foi um estudioso de Dom Basílio, conhecia todas necessidades da população, conhecia todos habitantes por nome e sobrenome, era um fanático por nossa  terra, ainda é, mas os tempos são outros, a população cresceu, renovou, inovou e entrou na REDE SOCIAL, campo que muita gente, como eu não se adentrou.

Meu Pai, não sei porquê, era adversário de Zezito. Um dia de sábado ele comprou um rádio ABC voz de ouro, claro que os leitores desse blog não conhecem esse equipamento de museu. Zezito claro que soube da aquisição, pois sabia de tudo de Dom Basílio e procurou meu pai para instalar o rádio, gratuitamente, no domingo bem cedo lá estava ZEZITO para instalação. A antena ia de um lado ao outro da cumeeira da casa com um fio isolado nas extremidades, sintonizar as ondas médias era uma qualidade de Zezito. Pois bem, Zezito nem pediu voto, mas o velho Davi disse: Como votar contra um homem desses, sabendo que sou adversário e vem aqui me prestar esse serviço. Resultado em 1970 Zezito se candidatou a Prefeito e teve nosso apoio e continua até hoje, poderia citar milhares de casos.

Precisamos de gente nova, GELSON, ROBERVAL, LELE, ORLANDO, DIGO e tantos nomes começam se colocar como pretendentes para 2016, ainda bem que temos para escolher. Todos capazes e competentes, claro que uns com mais densidades eleitorais e mais conhecimentos administrativos, mas todos com suas qualidades. Esperamos que estejamos juntos para um NOVO PROJETO. A diversidade de nomes é salutar para democracia, que bom que temos esse amadurecimento, todos podem almejar um dia ser governador de sua terra, mas renovar é preciso.

JOSE MARIA CAIRES